Os 13 princípios de Benjamin Franklin

Benjamin Franklin – estadista e escritor norte-americano, inventor do pára-raios.
(Boston 17/01/1706-Filadélfia 17/04/1779)

Escreveu em sua auto-biografia como conseguiu superar muitas de suas imperfeições morais. Imaginou um método simples, porém tão prático, que qualquer pessoa poderia empregá-lo. Franklin escolheu treze princípios que julgava ser necessário ou desejável aprender e procurar praticar. Escreveu-os em pequenos pedaços de cartolina, com breve resumo do assunto, e dedicou uma semana da mais rigorosa atenção a cada um desses princípios separadamente. Desse modo, pode percorrer a lista toda em treze semanas, e repetir o processo quatro vezes por ano.

Os 13 princípios de Benjamin Franklin

1. Temperança – Não coma até o embotamento; não beba até a exaltação;

2. Silêncio – Não fale sem proveito para os outros ou para si mesmo; evite a conversação fútil;

3. Ordem – Tenha um lugar para cada coisa; que cada parte do trabalho tenha seu tempo certo;

4. Resolução – Resolva executar aquilo que deve; execute sem falta o que resolve;

5. Frugalidade – Não faça despesa sem proveito para os outros ou para si mesmo; ou seja, nada desperdice;

6. Diligência – Não perca tempo; esteja sempre ocupado em algo útil; dispense toda atividade desnecessária;

7. Sinceridade – Não use de artifícios enganosos; pense de maneira reta e justa e, quando falar, fale de acordo;

8. Justiça – A ninguém prejudique por mau juízo, ou pela omissão de benefícios que são dever.

9. Moderação – Evite extremos; não nutra ressentimentos por injúrias recebidas tanto quanto julga que o merecem;

10. Asseio – Não tolere falta de asseio no corpo, no vesturário, ou na habitação;

11. Tranquilidade – Não se perturbe por coisas triviais, acidentes comuns ou inevitáveis;

12. Castidade – Evite a prática sexual sem ser para a saúde, ou para a procriação; nunca chegue ao abuso que o enfraqueça, nem prejudique a reputação de outrem;

13. Humildade – Imite a Jesus e a Sócrates.

O auto-conhecimento seja por esse ou outro método qualquer não é um caminho fácil. Não existe caminho fácil. Mas é um caminho seguro.

Esse post foi publicado em Auto-conhecimento. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s